quarta-feira, 19 de Novembro de 2014

Aliança de Noivado e Casamento

Aliança de Noivado e Casamento

Por que usar aliança? Quase todos os jovens sonham em um dia colocar no dedo uma aliança de noivado e casamento. Nos tempos bíblicos a representação do poder se dava por intermédio de alguns objetos, entre eles o cetro; a coroa, o brasão e também o anel. O anel ou aliança conforme vemos nos dias de hoje, descende de um costume hindu de utilizar este objeto como forma de oficializar o casamento. Este costume foi adaptado por gregos e romanos que disseminaram este costume salutar por todo o mundo conhecido até hoje. 

segunda-feira, 17 de Novembro de 2014

COMENTÁRIOS DA LIÇÃO 12 (4º trimestre de 2014) ORAÇÃO, CURA E REABILITAÇÃO

COMENTÁRIOS DA LIÇÃO 12 (4º trimestre de 2014) ORAÇÃO, CURA E REABILITAÇÃO

VERSO ÁUREO: “Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos”. Tiago 5:16

INTRODUÇÃO (sábado 13 de dezembro) – A lição desta semana menciona sobre as curas divinas; físicas e espirituais relacionadas com a oração de fé. A Bíblia é pródiga em mencionar várias curas que foram realizadas por Jesus e apóstolos. Sim, Deus também cura pessoas hoje. Deus cura o Seu povo através da oração que Seus servos fiéis realizam. Até mesmo na medicina humana, quem realmente cura é Deus, os médicos são apenas agentes que aplicam os recursos deixados pela natureza e ciência. Todas as bênçãos e maravilhas vêm de Deus.Veja esta declaração: “Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vêm do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação”. Tiago 1:17

domingo, 16 de Novembro de 2014

Sermão: Seguindo o Exemplo de Neemias

Seguindo o Exemplo de Neemias

Texto
Neemias 4

Introdução
Deus confiou uma missão muito especial para o seu povo. Proclamar as grandes verdades para este tempo presente requer coragem, determinação, entusiasmo e muito poder do alto conseguindo através da oração.

quinta-feira, 13 de Novembro de 2014

O Valor de um Sorriso. Jesus Sorria ou era Sério?

O Valor de um Sorriso. Jesus Sorria ou era Sério? 

O sorriso não custa nada, mas rende muito. Enriquece a quem o recebe, sem empobrecer a quem o dá. Dura alguns instantes, mas seu efeito é para sempre. Ninguém é tão rico que não precise dele e ninguém é tão pobre que não o possa oferecer. Ele traz felicidade em todos lugares, é um sinal de amizade e boa vontade. É força para os desencorajados, um raio de sol para os tristes e esperança para os desesperados. Não se pode comprá-lo, não se pode emprestá-lo e nenhum dinheiro tem o valor que o possa comprar. Ninguém precisa mais de um sorriso, do que aquele que não sabe mais sorrir.

O homem é um ser obcecado pelo prazer. O hedonismo; filosofia que ensina que o prazer é o fim último do ser humano parece reger a humanidade. A grande questão é onde está esse prazer: nas coisas externas, no dinheiro, no sucesso, na cultura, no sexo, na diversão? Salomão buscou a felicidade na bebida, riqueza, sexo e fama; e viu que tudo era vaidade. Ver Eclesiastes 2. O problema não é a busca do prazer, mas o contentamento com um prazer terreno, carnal, passageiro e diabólico.

O cristianismo é a religião do prazer e da felicidade. Deus nos criou para a alegria. A busca da felicidade é legítima e o verdadeiro prazer está em Deus. Fomos criados por Deus, e só encontraremos descanso quando vivemos com Deus.

quarta-feira, 12 de Novembro de 2014

A Masturbação é Pecado? O cristão Pode Masturbar-se?

A Masturbação é Pecado? O cristão Pode Masturbar-se?

A Bíblia não menciona nada sobre a masturbação e não afirma, de forma clara, se a masturbação é ou não é pecado. Quase sempre os estímulos dos órgãos genitais estão envolvidos com pornografia ou com pensamentos de lascívia. 

Quem é que consegue masturbar-se sem nutrir, em sua mente, imagens de nudez, cenas de sexo, erotismo e fantasias sexuais? Nesse ponto a coisa se complica, pois a masturbação começa a mexer com a santidade do crente, pois gera o pecado; e o pecado é o resultado do fruto da carne que atua na mente. Em Gálatas 5: 19 diz: “Ora, as obras da carne são conhecidas e são: prostituição, impureza, lascívia,…”

Casamento e Família; Invenção de Deus

Família, uma invenção de Deus

Dentre os vários atributos naturais e morais de Deus, está a perfeição. Ele é perfeito em todos os Seus propósitos e realizações. Ele é o Criador e o idealizador do casamento e da família. Isto já é suficiente para garantir que o casamento, no Senhor e entre um homem e uma mulher que vivem em obediência à Ele, sempre redunda em bênçãos.

O livro de Gênesis nos ajuda a entender alguns dos princípios estabelecidos por Deus para que o homem e a mulher se complementem e vivam as bênçãos da vida conjugal e familiar.

terça-feira, 11 de Novembro de 2014

Jóias e Adornos na Bíblia

Jóias e Adornos na Bíblia

O uso de jóias e adornos é um assunto que tem trazido algum desconforto entre os cristãos. Os evangélicos e protestantes ficam um pouco divididos quanto a este assunto. É preciso saber diferenciar o que é doutrina bíblica e o que são costumes e normas humanos. Doutrina bíblica são princípios bíblicos que não podem ser mudados. Costumes são normas humanas que expressa a vontade de pessoas de certos lugares e épocas. As normas são mutáveis, de acordo com as gerações, e em nada contribuí para a nossa salvação e expressa a tendência humana para o legalismo religioso.