quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Você é Único – Igual a Você é Só Você Mesmo!

Você é Único – Igual a Você é Só Você Mesmo!

Deus fez você diferente de todas as outras pessoas do mundo inteiro. Você é único, e igual a você é só você mesmo! Não há duas impressões digitais iguais porque tanto as estatísticas como a biologia nos garantem isso. 

Como não há duas pessoas absolutamente iguais, não há como ter uma pessoa com a mesma impressão digital da outra. Até os gêmeos idênticos ou univitelinos, que são clones perfeitos, eles têm o mesmo DNA ou ADN. Afinal são formados quando um único óvulo, fecundado por um espermatozóide, se divide em dois embriões. A princípio, esses irmãos deveriam ser idênticos até nas impressões digitais, mas não o são!

Quantas gerações se passaram até hoje? Dentro do ponto de vista criacionista acredito que o mundo tenha em torno de pouco mais de 6 mil anos. Se levarmos em conta que uma geração se renova em 40 anos, o mundo conta com 150 gerações até hoje.

Quantas pessoas nasceram no planeta desde a sua criação? Talvez uns 100 bilhões. Hoje somos um pouco mais de 7 bilhões de pessoas no mundo, e não é curioso que ninguém é igual a você? Fomos criados de uma maneira maravilhosa por um Deus que nos fez únicos. Isso mesmo: igual a você é só você mesmo!

Você é Único em Seus Privilégios. Jesus teria morrido por uma só pessoa a fim de que ela pudesse viver pelos séculos eternos. Em Mateus capítulo 18 menciona a parábola da ovelha perdida onde mostra o grande amor de Deus em salvar a humanidade da qual você é único. Assim, por ser único, você tem qualidades; dons, talentos e capacidades que só você tem. Por isso, pode entender que tem coisas que só você pode fazer, do jeito que você é.

Jesus morreu para salvar cada pessoa. Deus ama você de todo o coração. Ele o ama com cada partícula de Seu enorme amor. Isso significa que não importa o quanto ele ama os outros, ele não poderia amar ninguém mais do que Ele ama você! Deus não prometeu que você vai sentir-se sempre amado, nem que as circunstâncias da vida sempre mostrarão que você é amado. Deus simplesmente prometeu que você é amado. Nenhum sofrimento ou tragédia jamais separará você do amor de Deus. Ver Romanos 8:35-39. Um episódio negativo na sua vida no tempo, não prova a falta do amor de Deus. Por exemplo: Quanto mais você ama alguém, mais importante essa pessoa é para você. Com Deus é a mesma coisa, o fato de que Deus ama você de todo o Seu coração, significa que você é mais importante para Ele do que jamais poderia imaginar!

O amor de Deus é tão grandioso que na morte de Cristo, quando os cravos foram pregados em Suas mãos, Ele gravou você lá. Veja este texto: “Pode uma mulher esquecer-se de seu filho de peito, de maneira que não se compadeça do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse, eu, todavia, não me esquecerei de ti. Eis que nas palmas das minhas mãos eu te gravei; os teus muros estão continuamente diante de mim.” Isaías 49:15 e 16.

Foi muito doloroso para Jesus gravar o seu nome nas Suas mãos, mas Ele o fez com muita alegria porque Ele o ama com ternura. Veja este texto tão conhecido: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” João 3:16. Deus aqui está tratando de mostrar o quanto cuida de você dizendo: “Eis que nas palmas das minhas mãos te gravei". Quando você percebe a beleza desta passagem, começa a  apreciar a compaixão de Deus e o Seu amor. Ele promete: "Ao cansado Ele dá força. Ao que não tem mais energia Ele multiplica o vigor, porque os que esperam no Senhor renovam a suas forças; crescem-lhes asas como de águias, correm mas não se fatigam, caminham e não se cansam". Ver Jeremias 31 e Isaías 40. Lembre-se sempre que Deus não está lá no céu assistindo o seu sofrimento e desilusões de forma indiferente. Ele gravou o seu nome e quer o ajudar nas suas dificuldades.

Você é Único em Suas Responsabilidades. O objetivo da sua existência na terra é duplo; é fazer a vontade do Pai como ela é feita no céu e praticar boas obras na terra:

A) Obedecer o Pai. A obediência a Deus envolve vencer o pecado e triunfar sobre o diabo. Você tem uma responsabilidade pessoal em arrepender-se dos seus pecados, confessá-los a Deus e aceitar Jesus como seu Salvador, tendo em vista que Ele tanto fez e faz em seu favor. Deus o dotou com o livre arbítrio e você pode escolher individualmente aceitar ou rejeitar a salvação que lhe é oferecida. Davi disse: “Se eu acalentasse o pecado no coração, o Senhor não me ouviria”. Salmo 66:18.

Mas o que você faz sem Deus? Sem Deus não há salvação e nem bênçãos temporais legítimas. O verdadeiro cristianismo é uma relação pessoal com Jesus Cristo. Aceitar Jesus como seu Salvador pessoal significa colocar a própria fé pessoal e confiança em Deus. Ninguém é salvo pela fé dos outros. A única forma de ser salvo é pessoalmente aceitar Jesus como seu Salvador, confiando na Sua morte como pagamento pelos seus pecados e na Sua ressurreição como a sua garantia de vida eterna. Ver João 3:16. Jesus é o seu Salvador?

B) Praticar Atos de Amor. Afinal, você é responsável perante o Senhor pelo cumprimento do seu dever como cristão. Existem pessoas que só você pode influenciar para a salvação. Por exemplo; a Bíblia menciona que “a mulher crente santifica o marido descrente e o marido crente santifica a esposa descrente.” Ver I Cor. 7:17. Só você pode influenciar o seu namorado ou namorada para o evangelho. Percebeu? A decisão em servir Deus deve ser pessoal. Você deve perguntar a Deus cada dia: “Estou pronto para obedecer ao que Deus revelar-me como Sua vontade? Isso requer uma atitude pessoal, porque a sua tendência natural é dizer a Deus: “Senhor! Mostra-me a Tua vontade para minha vida para que eu decida se vou O vou obedecer ou não!” É como a oração daquele missionário que disse: “Senhor, quero servir-Te como missionário. Estou pronto para ir a qualquer lugar do mundo, desde que o salário seja bom, o clima agradável e seja próximo da minha casa.”

Deus deu a você; vida, talentos, oportunidades e livre arbítrio, e Ele o anima a agir com fidelidade e prudência. Ele proporciona-lhe as orientações na Sua Palavra e então lhe permite fazer escolhas. Ele alegra-Se quando você toma decisões sábias e de acordo com a Sua vontade. Ele espera que você tome decisões acertadas. Lembre-se também que até na hora do juízo cada pessoa dará conta de si mesmo, "individualmente". Veja o texto: “De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus.” Romanos 14:12


Luís Carlos Fonseca

Sem comentários:

Enviar um comentário